Barra do Corda, Ma, Data Atual, Hora Atual










DICAS PARA UMA ALIMENTAÇÃO MAIS SAUDÁVEL PARA CRIANÇAS

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 04 de julho de 2009

A alimentação é parte integrante do treinamento físico, só através de uma boa alimentação o atleta pode conseguir os resultados do seu treinamento. Estes bons hábitos alimentares devem ser iniciados o quanto antes. Abaixo algumas dicas simples para alimentação para crianças, porém algumas delas nós mesmos poderíamos começar a utilizar mais:

1. Dar o exemplo

As crianças costumam reproduzir os bons e maus hábitos alimentares de seus pais.

2. Evitar a gula

Ofereça as quantidades de comida apropriadas à idade, não mais do que o necessário. Quando a criança se mostrar satisfeita, respeite. A criança pode perder a noção de saciedade e o limite acaba sendo o que estiver no prato.

3. Não dizer sempre sim:

A criança sem limites vai abusar das calorias e das guloseimas, eduque seu filho a comê-las ocasionalmente. Deve-se ter um dia por semana e situações em que podemos ser mais liberais.

4. Não ceder ao primeiro "Não gosto disso":

A criança tem uma tendência a dizer que não gosta de uma comida que ainda não provou. Cada um pode comer o que quiser, mas pelo menos, experimentar não custa nada.

5. Não oferecer doces ou guloseimas como recompensa:

"Coma toda a sopa para ganhar a sobremesa". Passa a idéia de que tomar sopa não é bom enquanto a sobremesa é o máximo.

6. Não ameaçar castigos para quem não cumpre o combinado:

"Se não comer a salada, não vai ganhar presente". Isso somente vai aumentar o ódio que a criança sente das saladas.

7. Aprimorar o paladar:

Diversifique o modo de preparo de alimentos simples, como legumes e verduras, acrescentando ervas e temperos saborosos.


8. Ensinar a gostar da comida:

Explique que o alimento é o combustível para brincar, crescer e ficar forte e inteligente. O visual do prato pode ajudar a despertar o interesse da criança.

9. Incentivar a experimentar:

Envolva a criança no preparo das refeições, com atividades sempre adequadas à faixa etária.

10. Acertar o tempo para comer:

Estimule uma mastigação lenta e correta. Propicie um ambiente calmo e sadio para que façam a refeição com equilíbrio.

11. Evite refeições na frente da tv:

Estudos já provaram que as pessoas comem 30% mais diante da telinha.

12. Evite lanches fora de hora:

O ideal são seis refeições diárias e evitar as beliscadas fora desses horários.

13. Combinar certas regras

Determine que as guloseimas não podem ser substitutas para a refeição, sem abrir exceções. “Não quer arroz e feijão, então toma uma mamadeira”, esse erro é muito comum e, se a criança conseguir uma vez, vai repetir essa estratégia sempre.


14. Tirar a monotonia:

Não repita o mesmo cardápio sempre, a criança vai enjoar e vão faltar nutrientes.Quanto mais tempo a criança ficar com excesso de peso, mais provavelmente este estado continuará na adolescência e fase adulta. Procure um Nutricionista o mais cedo possível. Crianças praticantes de atividade física regular ou atletas precisam também de cuidados especiais.




27 DICAS PARA UM BOM POLIMENTO

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 04 de julho de 2009

O polimento é a fase que antecede a competição principal na qual a periodização foi traçada, onde o atleta deverá, progressivamente, descansar tentando não perder a ótima capacidade desenvolvida durante os períodos anteriores.

Mas então, como manter tudo que construímos dentro das 12, 24 ou 30 semanas de treinamento, fazendo com que no dia exato, todas nossas capacidades estejam no ápice, prontas para o melhor resultado? Realmente é muito difícil e esta exatidão depende de diversas variáveis. Mas principalmente da estreita ligação entre atletas e técnicos. Afinal, nesta fase, a conversa e o diálogo estarão sempre em primeiro lugar. Desta forma, os erros são minimizados e observados em comunhão com quem está planejando e quem está realizando.

Com certeza, cabe ao técnico um belo planejamento de redução em termos percentuais, seja de intensidade ou de volume de treinamento. Isso tudo na prática pode ir por água abaixo.

Esta fase do treino deve ser muito bem periodizada e afiada pelo técnico. Tomo como principal informação, a sensibilidade do nadador e a forma com que o mesmo realiza suas séries. Observo suas feições, seus gestos, suas braçadas e pernadas. Uma palavra dita pelo nadador pode ser o indicativo da qualidade e do objetivo das séries aplicadas. Afinal, os técnicos nunca podem controlar 100 % do dia do nadador.

Conscientizar o nadador a cada polimento, utilizando experiências passadas pelo próprio, observando e conversando diariamente com ele, antes e depois das séries de “manutenção” e, principalmente, motivando-o a cada sessão. Importantes dicas para que o polimento seja totalmente eficaz, sempre atento nas variáveis. O polimento é um período de atenção e concentração.

As vésperas do Troféu Walter Figueiredo Silva de Natação, e completando um pouco mais de um ano de competições, iremos agora realizar o nosso tão sonhando polimento, iremos agora apresentar dicas para melhorar o polimento. Confira:

1) POLIMENTO É PSICOLÓGICO

Não é, mas é o que todo mundo deve pensar. Se a cabeça estiver bem, está tudo bem. Polimento é a parte da temporada onde tudo deve rodar bem, sem preocupações e concentrado no seu objetivo final.

2) POLIMENTO É SENTIR E NÃO FAZER

Muitos treinadores pensam que deve fazer muito durante o polimento e na verdade o sentimento ideal é sentir. O nervosismo que abate os nadadores também é identificado nos treinadores que muitas vezes acabam trabalhando em demasia com seus atletas. Identificar o volume e intensidade ideal do trabalho é uma arte do técnico.

3) POLIMENTO É INDIVIDUAL

Não adianta colocar todo mundo na água e fazer a mesma coisa que não irá dar o resultado ideal. Alguns atletas precisam descansar menos, outros mais, e outros talvez nem descansar. Identificar isso também é outra arte e responsabilidade do técnico.

4) FUNDISTAS E VELOCISTAS

Em regra geral fundistas descansam menos, velocistas descansam mais.

5) JOVENS E VETERANOS

Nadadores mais jovens não precisam descansar tanto quanto os veteranos, estes mais acostumados também irão abrir o berreiro se não descansarem de forma adequada.

6) BEM TREINADOS E MAU TREINADOS

Aquele nadador que treinou pouco durante a temporada, ficou doente, perdeu muitos treinos, este precisa descansar menos. O outro, sempre presente, que treinou muito bem e fez tudo o que deveria fazer, este precisa descansar mais.

7) POLIMENTO É TEMPO DE CONVERSA

O treinador deve aumentar a possibilidade de se relacionar com seus atletas. Reuniões, conversas na borda da piscina, antes e depois do treino, devem ser incrementadas e praticadas em profusão. Polimento é a hora em que o atleta busca segurança e nada melhor do que o técnico para difundi-la. Também é importante o técnico escutar o que o "corpo" do atleta tem a dizer, desta relação e conversa se encontra o volume e a intensidade ideal do polimento aumentando a boa relação entre os dois.

8) FUNDAMENTOS

Polimento é onde os detalhes são aparados e detalhados. Saídas, viradas e chegadas devem ser praticados diariamente.

9) DESCANSO

Segundo Jack Nelson, o melhor amigo dos nadadores durante o polimento é o travesseiro. Descansar é a palavra padrão.

10) NÃO PERDER A LINHA DO TEMPO

O fato de você não ter treinamento pela manhã não irá lhe ajudar passar a noite na internet e dormir até o meio dia do dia seguinte. Manter a linha do tempo, dormir em horário regular e acordar no horário padrão são essenciais para manter o corpo em harmonia. O Troféu Brasil mantém as finais pela manhã e isso determina uma performance melhor ainda no horário da manhã. Assim, manter um despertar e uma rotina matinal irá ajudar na performance.

11) CUIDADO COM A NUTRIÇÃO

Em polimento, treinamos menos, ou seja, gastamos menos energia. Assim, o cuidado com a alimentação deve ser redobrado. Alimentos gordurosos e de difícil digestão devem ser eliminados da dieta. Cuidado com as calorias, principalmente para atletas com tendência a engordar. Polimento pode ser "tempo de engorda" para quem não cuidar disso.

12) BEBA ÁGUA

Desidratação é uma das maiores causas da fraqueza. Manter o corpo hidratado é uma das melhores rotinas do polimento e do período pré-competitivo. Certas competições podem causar uma maior desidratação dependendo da temperatura e altitude. E a melhor maneira de evitá-la é tomando muita água.

13) PREPARAÇÃO FÍSICA FORA DA ÁGUA

É outro tema que varia muito de individuo para indivíduo. Geralmente mantemos os atletas somente em atividade padrão. Muito alongamento e flexibilidade a fim de tirar a tensão natural do corpo. Abdominais e alguns exercícios calistênicos também são usados de forma rotineira. A musculação deve ser restrita. Somente a aqueles que gostam de manter o tônus muscular e em forma de manutenção.

14) PENSAMENTO POSITIVO

Aliás não só pensamento, como atitude, conversa, discussão, correção, até as séries devem ser positivas. Acreditar é a palavra chave do polimento e manter uma atitude positiva com relação a isso é fundamental.

15) PREPARAÇÃO PSICOLÓGICA

O polimento é uma excelente fase para se trabalhar a preparação mental para os grandes eventos. Visualização, palestras e trabalhos em grupos são amplamente aceitos e têm grande impacto nos resultados.

16) ADMINISTRAR ADVERSIDADES

As vésperas da competição um atleta gripado ou lesionado, problemas no vôo, dificuldades no hotel, acidentes pequenos ou até grandes, problemas com material e qualquer outra adversidade deve ser administrada de forma positiva. O técnico deve manter a tranqüilidade e saber administrar tudo sem reflexos maiores nos atletas. Nas vésperas de bater o recorde mundial dos 400 medley nos Jogos Olímpicos de Sidney, o americano Tom Dolan foi hospitalizado com uma crise asmática crônica. No outro dia, estava lá pronto para superar a sua barreira.

17) NADA É IMPOSSÍVEL

O polimento é a melhor fase para o técnico convencer o seu atleta de que barreiras e recordes foram estabelecidos para serem superados. Nenhuma prova já está ganha, nenhum título já está conquistado, nada é impossível. Zebras acontecem toda hora e só acontecem porque as pessoas acreditam nos sonhos antes de realizarem.

18) CONTATO COM A ÁGUA

Não acho que devemos manter treinos duplos todos os dias até as vésperas da competição. Mas o contato com a água ajuda e muito os atletas neste período. Pequenas sessões, às vezes de 1.500 ou 2.000 metros nem podem ser contadas como treinamentos, mas mantém o atleta em contato com o meio líquido. A fim de manter os atletas em atividade e tirar a tensão pequenas sessões são ótimas para isso, mesmo que você fique com a impressão de que não fez absolutamente nada de treinamento.

19) AGORA É TARDE...

Se você não conseguiu treinar durante a temporada, se não conseguiu fazer o que tinha de fazer, agora é tarde. Polimento não é para isso. Não pense que o resultado do seu atleta está guardado em um bom polimento. O resultado é produto de um bom treinamento e o polimento é apenas a extensão disso. Trate de descansar, relaxar e se preparar para nadar bem. Acredite e voe baixo!

20) EVITE O STRESS

Mais fácil dizer do que fazer. O stress é um das maiores dissipadores de energia durante a competição. Tente ficar na sua rotina, acordando e nadando no mesmo horário que você está acostumado.

21) SEJA FLEXÍVEL

Só porque as coisas não foram exatamente como planejadas, você não pode se desesperar. É importante ter a mente aberta para saber aceitar as derrotas também. Quem sabe na próxima prova você não vai melhor? Fique calmo.

22) ANDE O MENOS POSSÍVEL

O objetivo de uma competição é canalizar o máximo de energia possível para sua prova, não para a borda. Andar de lá pra cá cansa os músculos da perna, então sente ou deite. Competições tendem a ser ocasiões sociais também, mas tente bater aquele papo após a sua prova.

22) NÃO FIQUE DESCALÇO

Suas pernas são o seu motor durante a prova, deixe-os preparados deixando-os quentes, secos e confortáveis. Andando descalço você só está cansando os seus pés e pernas e causando uma perda de temperatura corporal. A maioria dos competidores de nível americano vestem meias e tênis até bem antes de suas provas.

23) SEMPRE AQUEÇA

É importante deixar seu batimento cardíaco alto e preparar o seu corpo para as condições da prova todas as etapas. Fazendo meia hora de aquecimento antes de sua prova seria o ideal para você se aquecer. Mas fundistas podem querer até mais. Competir sem aquecer é pedir para nadar mal além de se machucar.

24) SEMPRE SOLTE

A melhor maneira de se recuperar de uma competição é soltar uns bons 10-15 minutos, tendo como objetivo abaixar seu batimento cardíaco e eliminar o ácido láctico dos músculos através de uma maior circulação sangüínea.


25) WAKE-UP SWIMMING (ACORDE NADANDO)

Geralmente as competições começam cedo e duram o dia inteiro. Alguns nadadores preferem levantar mais cedo e dar uma nadada de 10-15 minutos. Isso pode ser benéfico em caso de fuso horário ou alguma mudança no seu horário habitual. O aquecimento normal é feito depois.

26) ESPERANDO

Durante suas provas, a melhor coisa a se fazer é relaxar. Traga seu walkman com sua música favorita, isso te ajudará a bloquear interferências de "pentelhos". Visualize sua prova. Traga um livro para ler. E tente fazer uma rotina a diversas coisas que tem de ser feitas antes de uma prova - flexibilidade, banheiro, colocando o calção de papel, ajustar os óculos, pegar a touca - quando você acabar de fazer tudo isso estará perto de sua prova.

27) PLANEJE SUAS REFEIÇÕES

Almoço e janta, são tão importantes quanto o que você come durante a competição. Como elas são geralmente longas e desgastantes, é importante alimentar seu corpo devidamente. Novamente, o melhor é cair na mesmice do que comer aquele sushi ou feijoada, mesmo que seja de graça!

Todas essas dicas podem parecer pequenas, pois significantes. Mas como provas podem ser definidas por centésimos, esses pontos podem assumir uma parte significante no sucesso de uma competição.

REFERENCIAL
Polimento. Artigo disponível on line via: http://www.saocaetanonatacao.com.br/dicas/nadoborbo.htm. Capturado em: 16 de set. 2008

PUSSIELDI, Alex. 20 Dicas Para Um Bom Polimento. Artigo disponível on line via: http://www.bestswimming.com.br/conteudo.php?id=6545. Capturado em: 16 de set. 2008




10 QUESTÕES PARA ESCLARECER MELHOR O POLIMENTO

Autor: Jack Nelson
E-mail:
Enviado em: 04 de julho de 2009

 

1) Porque o polimento é tão desafiador (e cheio de ansiedade) para os atletas e o técnico?
Cada nadador tem as suas características individuais, assim como o time no geral tem as suas necessidades. O nadador deve ter completa confiança no seu técnico no programa e principalmente incrementar isso com uma perfeita comunicação diária.

2) Que conselho você daria para os atletas e treinadores durante esta fase?
Eu gosto sempre de avaliar meus atletas solicitando a eles que se posicionem numa escala de 1 a 10 em qual estado eles se sentem. Lembrando que o 1 é o mais baixo e o 10 o mais alto você terá condição de identificar o nível exato onde eles estão nas suas próprias palavras.

3) Que importantes fatores você considera quando planeja o seu polimento?
Saber que nadador eu tenho no grupo, qual o nível deles e qual o tipo de resultado que está sendo trabalhado. Além disso, manter o nível de comunicação o mais claro e ligado possível não só durante este período, mas sim durante toda a temporada.

4) Qual a diferença entre o polimento entre os velocistas e os fundistas?
Os nadadores de fundo continuam nadando um certo volume de trabalho durante todo o polimento enquanto os velocistas tem mais intervalos entre as suas séries de alta intensidade e curta duração. Os velocistas também trabalham mais em fatores específicos como saídas, viradas, breakouts e chegadas.

5) Qual na sua opinião o fator que contribui para um polimento de sucesso e o fator que destrói um polimento de sucesso?
Mais uma vez, conhecer os seus nadadores é a chave de tudo, e jamais trabalhar em demasia nesta fase. Assim como você baixa o volume, sobe a intensidade acaba se entusiasmando e isso pode ser destrutivo. O grande erro é tentar provar algo em treinamento. NÃO DEIXE A SUA PROVA NA PISCINA DO TREINO.

6) Qual o seu plano de polimento?
Durante a temporada a gente chega a nadar 20 mil metros por dia e vamos baixando de acordo com a proximidade da competição. Durante a temporada, eu acho que existe "o melhor tempo durante temporada" que é o que buscamos nas competições intermediárias. Um de nossos grandes objetivos é tentar alcançar o melhor tempo antes mesmo de polir, raspar ou descansar. Eu não gosto muito de ter meus nadadores treinando a temporada toda para nadar bem somente algumas vezes por ano. E sei que é difícil atingir performance em competições que não tem "as cores" de uma grande competição durante a temporada, mas é o que buscamos.

7) Muitas vezes temos nadadores que se sentem bem, e outras vezes outros no mesmo treino estão se sentindo mal. Tem algum sinal que você consegue identificar como as coisas estão indo bem ou mal?
Continue com seu plano e se estiver em dúvida: DESCANSE eles!

8) Você tem algum treinamento mental durante o polimento?
Nós fazemos treino mental todos os dias durante o ano, mas normalmente adicionamos alguns vídeos inspiradores ligados a Jogos Olímpicos, muitas vezes músicas, ou coisas assim. Nesta fase, eles já estão em outra esfera, e você tem de escolher coisas diferentes que façam com que eles se sintam mais a vontade e possam relaxar se preparando mentalmente e fisicamente para a disputa.

9) Se existe uma coisa que atletas e treinadores deveriam se lembrar durante esta fase seria o que?
Os nadadores estão mais excitados do que nunca e com a queda da distância da metragem do treino acabam por testar os nervos do treinador. Portanto, para os técnicos continuem relaxados, sem demonstrar nervosismo, muita tranquilidade e em caso de dúvida, lembre-se descanse eles, mas não esqueça de mantê-los molhados.

10) Existe distância ideal para o polimento?
Dependendo do atleta, aqui volta a situação de conhecer ao máximo o seu nadador. Mas eu ficaria entre 2.500 a 3.000 para os velocistas, e de 4.000 a 6.000 para os fundistas.


Jack Nelson, 73 anos de idade, com mais de 60 nadadores olímpicos em todos os tempos, está aposentado, mas continua proferindo clínicas no mundo inteiro. Contatos com Jack Nelson através do email: shernel@bellsouth.net.

Disponivel on line via: http://www.bestswimming.com.br/conteudo.php?id=1259




POLIMENTO

Autor: Alex Pussieldi
E-mail:
Enviado em: 04 de julho de 2009

"O polimento é a única coisa em natação que é totalmente individual" diz o treinador Jon Urbancheck da Universidade de Michigan. Urbanchek fala algo que a primeira vista não faz sentido, mas é a pura verdade, mesmo sabendo que natação é um esporte individual, mas o programa e o sucesso de nosso trabalho sempre dependem da equipe e de um conjunto de forças. Já o polimento será bem sucedido se for propriamente adaptado as especificidades e necessidades de cada nadador.

Urbanchek é um dos principais nomes da natação Americana tendo sido treinador de nomes como Gustavo Borges, Mike Barrowman (ex-recordista mundial 200 peito), além de Tom Malchow e Tom Dolan.

No programa que Urbanchek aplica em seu treinamento da Universidade de Michigan durante o ano os atletas praticamente fazem a mesma coisa, mas quando entram no polimento … "isso fica muito diferente" diz o treinador americano.

Polimento não é só diminuir a metragem. É procurar vestir cada individualidade com a melhor prática. A pior coisa é pegar o polimento de outro nadador e aplicar no seu atleta. Isso seria mais ou menos o mesmo que um professor em classe fazer alguém escrever o exame final sobre algo que nunca foi dado naquela classe.

O legendário coach Jack Nelson do Fort Lauderdale Swim Team é famoso nas suas técnicas de polimento:


- Comunicar com seus nadadores diariamente. Perguntar em uma escala de 1 a 10 como estão se sentindo e direcionar o programa para o nível que eles responderem. Trabalhar com a mente e o corpo unificados.
- Evitar a sobrecarga de trabalho, muito natural pelo entusiasmo da performance nesta fase do programa.

Segundo Jack Nelson, os nadadores precisam acreditar no treinador. É uma grande bobagem provar todos os dias como você está pronto para competir nos seus treinamentos. "Você não pode deixar sua prova no treinamento" diz Coach Nelson referindo-se ao fato de que o atleta precisa levar sua energia total para a competição e não "queimá-la" durante o polimento.

É inegável que a preparação mental é fundamental para o sucesso do polimento. Não negligencie isso. O Coach Urbanchek trabalha com seus atletas a visualização das provas nos seguintes aspectos:


- Saídas
- Viradas
- Ritmo
- Respiração
- Pernada
- Chegadas
- Trocas de revezamento

Já Jack Nelson gosta de apresentar videos antigos de competições tentando trazer das imagens a reação mental para seus atletas.

Esteja relaxado! Polimento pode ser uma fase desafiadora para você. Os nadadores ficam mais excitados e com sobra de energia, já que a metragem e intensidade são diminuídas. Isso pode aumentar a tensão, os conflitos e a falta de segurança. É a hora de estar mentalmente preparado para isso.

Polimento é 100% cabeça!

Disponivel on line via: http://www.bestswimming.com.br/conteudo.php?id=1259




FRASES E MENSAGENS

Autor: Leonardo Delgado
E-mail: aquabarra@sapo.pt
Enviado em: 04 de julho de 2009

“O acesso para o sucesso está através da mente" (Jack Nelson, Fort Lauderdale Swim Team)

“A primeira coisa que o atleta deve fazer é acreditar em si mesmo. Essa é a lição número 1” (Paul Bergen)

“Só não existe o que não pode ser imaginado” (Murillo Mendes)

“Se você não acredita em si mesmo, você não vence” (Alexander Popov)

"As possibilidades são inúmeras para quem acredita em si mesmo"

“Você deve estar envolvido com o seu destino” (Peter Malone)

"As conquistas são alcançadas com 3 palavras mágicas: empenho, otimismo e foco”.

"Nada é mais positivo do que a superação de um resultado"

"Precisamos elevar nossa intuição para poder ver aquilo que nem sempre nossa mente consegue compreender"

“Campeões são aqueles que permanecem treinando até fazerem a coisa certa”.

“Uma jornada de mil quilômetros começa com um passo” (THAO)

“Comece fazendo o necessário, depois faça o possível, e quando você se der conta estará fazendo o impossível” (São Francisco de Assis)

"Acima do homem que salta, há o homem que voa”.

“Treinamento e dor estão diretamente relacionados, vence quem a suporta mais”.

"Vivo porque existo, existo porque sofro, sofro porque luto, e luto porque quero vencer”.

“Não importa o quanto você bate, e sim o quanto agüenta apanhar” (Rock Balboa”)

“Quando se quer muito alguma coisa… A natureza conspira a seu favor”.

“Noventa por cento do sucesso se baseia simplesmente em insistir” (Woody Allen)

“Só existe um lugar aonde sucesso vem antes do trabalho, é no dicionário”(Lair Ribeiro)

"A vida se expande ou se encolhe de acordo com a nossa coragem" (Anais Nin)

“Dê o melhor de si, o que tiver de acontecer será para melhor” (O Vivian)

“A persistência é o caminho do êxito” (Charles Chaplin)

“Estar preparado já é meia vitória” (Cervantes)

“A persistência é o fator primordial para se realizar uma tarefa” (Ramalho Campelo)

“A história não fala dos covardes” (Urubatão Calvo Nunes, técnico de futebol)

“Ganhar é fácil, difícil e você se manter ganhando”.

“Quem disse que é mais importante competir do que ganhar é porque nunca teve a oportunidade de vencer” (Alexandre Pussieldi, 1995)

“Todo nadador que se preza prefere vencer” (Paulo Frischnet, treinador português)

“Em qualquer situação, a vantagem está do lado de quem sorri” (Provérbio chinês)

“Quem nunca subiu numa montanha, não conhece a planície” (Provérbio chinês)

“O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo, com mais inteligência” (Henry Ford)

“A satisfação está no esforço e não apenas na realização final” (Mahatma Ghandi)

“O importante não é vencer todos os dias, mas lutar sempre” (Shakespeare)

"As pessoas devem aprender a competir COM os outros e não CONTRA os outros"



FINA

Confederação Brasileira de Natação

Federação Maranhense de Desportos Aquáticos - FMDA

E-books de Ed. Física
E-books de Ed. Física

Swim It Up

Swimnews

Pro Swim

aquabarrabdc

Best Swimming

Not Nat

Orkut Aquabarra

Blog Paineiras

© Escola de Natação Aquabarra

Webmaster: Leonardo Delgado